Este vídeo tornou-se referência durante o pico da crise – em 2008.