As pessoas não estão se dando conta, ou pelo menos a midia não está falando de um fenômeno sério que está ocorrendo : o da reprecificação e que está havendo “deflação”.

As matérias primas e commodities estão hoje – todas – muito mais baratas do que estavam há um ano atrás. O dolar se valorizou perante o euro, o pound e as demais moedas. A China parou de exportar e tem que empregar a mão de obra que trabalhava para exportação. Europa está parada, revendo suas instituições centenárias (como o assitencialismo aos empregados, a relação empregador-empregado, a intervenção no sistema financeiro, etc !). Os  EUA estão se recuperando – ainda grogues – esperando Obama !

Neste ambiente de insegurança – incerteza – poucos consomem ! A atividade econômica se retrai ! o risco de pânico aumenta. E os empres´´arios procuram novos patamares de preço para seus produtos.

Gasolina nos Eua já caiu para a metade do que estva há um ano… Vários outros produtos estão se reprecificando para baixo. Este ambiente é excelente para quem não tem dívidas. Para quem as tem – vão ter menos lucro absoluto, para pagar o mesmo montante de dívida, cujos valores n4ao estão sendo “reprecificados”. E como pagar dívidas antigas com lucros pós re-precificação ? Mais um desafio para os ahentes econômicos… Mas só há uma saída…negociar !!!

Outra face deste mesmo tema – como ficam os aluguéis ? Se os valores dos ativos caem – seguindo a perda de renda dos indivíduos – o valor dos aluguéis deveria cair também !!!  Yet to be seen !!!